Dica de Viagem: Bath

1 set
Oi Pessoal!

Bath fica no extremo oeste da Inglaterra, próximo à Bristol. A cidade é lindíssima por si só, com jardins belíssimos, lindas paisagens ao redor do rio Avon, muitos restaurantes agradáveis, cafés charmosos e lojas bacanas para se fazer compras. Mas sua principal atração turística são os Banhos Romanos, um complexo de piscinas de água quente que datam de 75 AC, portanto mais de 2 mil anos, e são um dos centros arqueológicos mais bem conservados do Norte da Europa.

The Roman Baths

Tinha um pouco de fila mas andou bem rápido, cerca de 15 minutos. Não desanime não porque vale a visita!

The Roman Baths

A entrada para visitar os Banhos Romanos custa £12.50 por pessoa. O museu disponibiliza visitas guiadas em inglês de hora em hora, que duram cerca de 40 minutos e também um sistema de “auto guia” onde você recebe uma espécie de comunicador (este que está no meu pescoço na foto abaixo 🙂 ) com gravações em diversas línguas. É só digitar o número que consta no local onde você se encontra para ouvir todas as informações referentes à ele. Infelizmente não tem em português, mas tem em espanhol que já ajuda quem não tem inglês fluente. Eles tem também uma versão para as crianças numa linguagem mais lúdica.

The Big Bath

A parte superior com as estátuas não é tão antiga, é do século XVIII. Depois da partida dos romanos o templo pagão foi destruído, os banhos caíram e foram soterrados. No século XII construíram o Banho do Rei diretamente por cima da Nascente Sagrada, sendo usado para banhos terapêuticos e para nadar, e somente no século XVIII descobriram a parte soterrada dos Banhos Romanos.

The Big Bath

Ainda no século XVIII  a água passou a ser muito apreciada também para beber, e com esta finalidade foi construído o Pump Room. Você também pode sentar-se lá para tomar uma água, um café ou almoçar.

Pump Room & King's Bath

Na foto acima, dá pra ver um pouco da parte moderna do complexo logo acima do Pump Room. Não tirei foto 😦 mas lá funciona um SPA e pagando £25.00 você pode banhar-se nas águas terapêuticas como os romanos faziam e desfrutar de vários ambientes, por duas horas.  Tinha uma “filazinha” na porta, melhor se prevenir, ok? Se você estiver em um grupo com mais de 8 pessoas ou agendar um tratamento poderá marcar horário com antecedência.

Foto propriedade de Thermae Bath Spa

 

Nesta foto da maquete abaixo dá pra se ter uma idéia do tamanho do complexo construído pelos romanos, que incluía também pátios para práticas de esportes, salões de massagem, saunas, e áreas de descanso.

Aqua Sulis

 Abaixo, a Nascente Sagrada que era utilizada apenas para cultos. Ao redor dela foram construídos os Banhos Romanos (Aquae Sulis) e o Templo.  Subindo de uma profundidade de 3.000m, a água contém 43 minerais e corre à razão de 1.250.000 litros cúbicos por dia a uma temperatura constante de 46,5°C e borbulha como champagne!!!

Nascente Sagrada

A água era distribuída para as outras piscinas por meio de canais internos e externos, como mostram as fotos e esta outra maquete abaixo 

 

Sistema de abastecimento das piscinas

Tour virtual pelos Banhos Romanos aqui.

Ao lado dos Banhos Romanos está a Abadia de São Pedro e São Paulo, mais conhecida como Bath Abbey. Foi construída em 1.499 e abriga um também um Mosteiro Beneditino. Na praça formada por estes dois pontos turísticos ficam muitos artistas se apresentando. Neste dia havia música medieval e este casal de estátuas vivas de John Lennon e Yoko Ono (que assustou a criança…rs).

Bath Abbey

Bath tem jardins maravilhosos, e uma atmosfera de tranquilidade e relaxamento que contagia. Este é o Parade Gardens.

Parade Gardens

Parade Gardens

Você pode conhecer os outros pontos turísticos de Bath no famoso ônibus vermelho da Sightseeing Tour, presente nas principais cidades turísticas da Europa.

Sightseeing Tour

 

Pode fazer passeios de carruagem…

 

Carriage Tour

 

E de barco também.

Vista da Pultney Bridge, sobre o rio Avon

The Pultney Bridge
 
A cidade era um dos refúgios preferidos da escritora Jane Austin (que eu citei no post de Winchester). Existe um museu em sua homenagem, o Jane Austin Centre e passeios turísticos aos locais que ela frequentava.
 

Jane Austen Centre

Um passeio à pé pela margem do rio Avon no Riverside Walk, também é muitíssimo agradável. Neste domingo de sol havia várias famílias passeando com seus barcos nas águas calmas e limpas do rio.

Riverside Walk

Se vier à Inglaterra, não deixe de conhecer esta encantadora cidade!

Mais informações sobre horários, localização e visitas à Bath aqui, no site oficial da cidade (em inglês).

Beijos,

Sol

 

 

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: